X
Publicidade

Sábado, 8/2, tem ação de entrega voluntária em Aldeia

Além de ser crime, a criação de animais silvestres coloca em risco a saúde de todos que moram por perto e, pior ainda, ajuda a desequilibrar a natureza.

today 06/02/2020
Tatiana Portela
timer 1 min de leitura

Se você cria um animal silvestre de forma ilegal, entregue-o de forma voluntária aos especialistas que cuidarão dele e o devolverão à natureza de forma segura. No próximo sábado, dia 8, haverá mais uma campanha de entrega voluntária, desta vez no Parque Aldeia dos Camarás, no km 11. Os responsáveis pelo evento são a Prefeitura de Camaragibe e o Governo do Estado. É importante lembrar que quem faz a entrega voluntária está imune de punição.

Além de ser crime, a criação de animais silvestres coloca em risco a saúde de todos que moram por perto e, pior ainda, ajuda a desequilibrar a natureza. Sim, porque para a natureza, um animal preso é como um animal morto: ele deixa de contribuir com o ecossistema, quebra a cadeia alimentar, deixa de dispersar sementes e ajuda a extinguir espécies. 


Já a entrega voluntária não é sujeita a multa nem a qualquer outra punição. Daí a importância de se divulgar essa informação. Os animais devolvidos são levados ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas Tangara), onde são reabilitados – se estiverem machucados ou doentes – e reintroduzidos à natureza no local e momento apropriados.

Fora das campanhas, os animais silvestres podem ser entregues voluntariamente ao longo do ano nos seguintes locais:

CPRH – Rua Oliveira Góes, 395, Poço da Panela

Cetas Tangara – Estrada da Mumbeca, km 8, Guabiraba, Fone: (81) 3182-9022

Para mais informações:

Cipoma – (81) 3181-1700

Ouvidoria Ambiental – (81) 3182-8923


Publicidade
Publicidade